31 de julho de 2011

Semana dos Pais


Fiquem ligados!!!!

De 8 a14 de agosto teremos posts especiais em comemoração ao Dia dos Pais.

Vocês poderão conferir dicas de presentes, mães falando sobre os pais na sua visão e o mais legal... papais dos filhotes do nosso grupo escrevendo para o blog.

Não percam, será mesmo muito especial!

30 de julho de 2011

Estresse infantil

Vale a pena ler essa reportagem do Guia do Bebê e refletir a respeito...



Num mundo tão agitado e concorrido, parece que a infância não tem mais lugar. É tanto o desejo de que os filhos cresçam rápido, aprendam mais rápido ainda, que as despreocupações infantis deram lugar à imediata ocupação de tempo com coisas que não deveriam fazer parte de seu universo.

Pais até fazem agenda para que não se percam com tantos afazeres e os mais diversos. A pressão é intensa sobre os pequenos ombros: tem que ser o primeiro da classe e obter sucesso em todas as atividades em que foram inscritos. Tudo muito precoce. As crianças se veem numa corrida contra o tempo  como se isso pudesse garantir um futuro bem sucedido ou promissor.

E como são dependentes de seus pais, física e emocionalmente, preocupam-se em atender a todas as expectativas para não desapontá-los e perder o amor deles. Com isso, as necessidades infantis são postas de lado para que assumam o que lhes foi imposto.

Mas há um preço a se pagar pelo caminho que se decidiu seguir e, obviamente, será cobrado mais tarde e, muitas vezes, mais cedo do que se espera.

É o estresse infantil, que gera uma tensão tão extrema, insuportável mesmo, acompanhada de reações orgânicas como excesso de ansiedade junto com taquicardia, vômitos, diarreias, dores, agressividade, perda de ou sono agitado, doenças respiratórias, enfim. A criança sente como se sua segurança estivesse ameaçada. E de fato está.

Além do estresse infantil poder originar-se das altas cobranças, principalmente aquelas em que a criança ainda não se sente capaz de atingir o fim desejado e esperado, pode, inclusive, originar-se por brigas familiares e separações, abusos e violências contra ela, mudanças de vida, de casa, de escola e  outras tantas, quando não foi bem preparada para poder compreender e aceitar o que vai perder. Não se pode esquecer que toda mudança envolve perdas e ganhos.

São muitos os eventos que podem provocar o estresse infantil, por isso é fundamental que os pais acompanhem seus filhos de perto, fiquem atentos a cada mudança de humor, de comportamento e mesmo de saúde sem motivo aparente, pois pode ser sinal de estresse.
Cada criança é única e o limite de tolerância e o ritmo de aprendizagem são diferentes para cada uma e deveriam ser respeitados.

Na verdade, o que ela deseja é brincar e desfrutar a infância a que tem direito. É muito triste ouvir um adulto dizer que muito cedo teve que assumir responsabilidades, que não teve infância por não ter sido permitido ou por não ter tido outra opção.

Não se pode pular uma fase de vida, pois mais tarde ela retorna. São os adultos infantilizados, que se "esqueceram" de crescer ou crianças atuando como se fossem adultos, tomando decisões que deveriam, via de regra, serem tomadas por adultos.

A criança aprende brincando sozinha ou com seus pares, como também só observando, pois é através da imitação que se dá a maior aprendizagem infantil.

Cabe aos adultos responsáveis refletirem profundamente se não estão ocupando o tempo livre de seus filhos para se verem livres deles e poderem, eles mesmos, desfrutarem seu próprio tempo livre sem preocupação ou interrupção.

28 de julho de 2011

Dia 27 de julho, dia do Pediatra





Vi um slogam muito legal ontem (27) na internet, enquanto pesquisava sobre o dia do Pediatra: Ele dizia “Quando o beijinho não sara, é ele quem tem a melhor solução!”.


Nós, mães e pais (e por vezes os avós, os tios, os amigos, os vizinhos) temos a plena consciência de que somos quem melhor conhece nossos filhos. Conhecer o filho tem a profundidade de saber seus gostos, suas vontades, seus sentimentos, prever seus pensamentos, saber como agradá-los, prevenir-se para suas reações. Mas conhecer seu filho, para muitos, tem a superficialidade de conhecer sua anatomia, sua fisiologia, sua citologia, sua bioquímica. Nossos filhos são, como humanos, seres incrivelmente complexos, emocionalmente E fisicamente.

Nem sempre podemos confiar que nosso conhecimento de nossos pequenos é suficiente. E nessa hora, em que tudo o que você sabe deles não tira a dor, não faz a tosse passar, não desaparece com aquelas pintinhas.......................... Nessa hora temos que contar com o profissional pediatra.
Mas são nossos filhos. Não os entregaremos assim, de mãos beijadas. Por eles fazemos tudo e não esperamos menos dos médicos, não é???


Então seguem algumas dicas do site da Revista Crescer para ajudar na escolha do pediatra que poderá acompanhar seus filhos até que estes deixem a infância (o que, ironicamente, tanto para os pais quanto para a ciência da pediatria, vai até os 17 anos. Ou você não sabia que até essa idade seu filho ainda é criança diante da medicina e que será pra sempre o seu bebê???).


E, aos pediatras, meus parabéns pelo seu dia!!! E obrigada por, como nós, pais, priorizarem a saúde e a qualidade de vida de nossos filhos; por muitas vezes servirem de conselheiros sentimentais e terapeutas; pelas vezes que nos sustentam em nosso desespero ao vermos nossos pequenos doentes; pelo que fazem e por mais um pouco.


Como escolher o pediatra do seu filho


Confira 10 dicas importantes que você precisa levar em conta na hora de tomar essa decisão (por Fernanda Portela):


Quem vai cuidar da saúde do seu filho? Essa é uma dúvida que pode ser esclarecida antes mesmo da criança nascer. Você pode visitar alguns médicos simplesmente para bater um papo e ter uma ideia de como será o futuro. Não que seja obrigatório, mas essa atitude pode ajudar a formar um vínculo de confiança entre vocês. No entanto, você vai saber se a escolha que fez foi a mais correta somente quando as consultas começarem. Abaixo, confira 10 dicas que vão te ajudar na escolha do profissional.


1- Empatia
Tem de acontecer na primeira consulta. Significa sentir que o médico entra em sintonia com você no seu novo papel de mãe. Um sinal negativo é ele se fixar apenas em perguntas sobre o histórico de doenças na família e no exame do bebê. Um positivo é ele também querer saber da sua gravidez, do parto, sobre o ambiente em que vive o bebê, os primeiros dias com ele em casa e como anda a amamentação.


2- Tempo da consulta
A primeira costuma ser mais demorada que as demais, mas o importante é o pediatra sempre demonstrar interesse pela criança. Não só quanto ao aspecto clínico. Como regra, lembre-se de que uma consulta de qualidade leva tempo para ser feita. O bom médico situa a mãe sobre a fase do desenvolvimento em que está o bebê e antecipa futuros comportamentos.



3- Disponibilidade
Poder encontrar o médico a qualquer hora e em qualquer lugar com certeza deixa os pais mais tranqüilos, mas é preciso contar com o imprevisto – seu pediatra deve ter um profissional de confiança para substituí-lo se for necessário.


4- Rapidez no retorno
Ela reflete a atenção do médico com o paciente e é importantíssima em uma situação de emergência. Só que nem sempre é possível ter um retorno imediato. Uma boa política para você se entender com o pediatra nessa questão é deixar recados claros e objetivos para que ele avalie a urgência do caso.


5- Atrasos na consulta
Não pode ser regra nem por sua parte nem pelo médico, porque o tempo de tolerância de espera da criança é pequeno. Para evitar transtornos, o ideal é você e o pediatra avisarem um ao outro de atrasos e, se preciso, desmarcarem a consulta.


6- Sem dúvidas
Não dá para ir embora do consultório sem entender tudo direitinho. Você pode – e deve – perguntar até se sentir esclarecida. Não tenha medo de pedir explicações. Um profissional impaciente não é o melhor parceiro nesse caso. Nem aquele que se mostra ofendido se você anuncia que prefere ter uma segunda opinião em determinada situação.


7- Segurança
Alguns pais questionam se é melhor o pediatra ter filhos, por achar que seus anseios serão mais bem compreendidos. Outros têm receio do médico jovem, com pouca experiência, ou do muito idoso, pelo risco de não ser atualizado. A indicação de amigos ajuda a tirar essas dúvidas, mas o importante é você se sentir segura.


8- Consultório
Na sala de espera do médico é importante ter brinquedos. Primeiro para distrair a criança, depois porque o profissional pode usar os brinquedos para observar como ela se comporta.


9- Você acertou
Se seu filho está saudável, vai bem na escola e em casa, esse é um bom indício de que ele está com o médico certo.


10- Insegura com a escolha?
Se você ainda tem dúvidas sobre o pediatra escolhido, não se preocupe. Mudar de médico é normal e não traz nenhum prejuízo para a saúde do seu filho. Procure o quanto for preciso, converse com outros profissionais e peça mais indicação.












Adriana, mãe da Diana




Quintas da Saúde





Todas as últimas quintas-feiras de cada mês a Boobambu promove uma palestra sobre saúde pessoal ou familiar. Não perca a de hoje!




Informações: (61) 3041-6010


Brush-Baby Toothbrush


Pesquisando na internet sobre higiene bucal das crianças achei uma escova que foi desevolvida por um dentista britânico que pensando no quanto o bebê gosta de mastigar a escova. 

O nome dela é Brush-Baby Toothbrush, tem um design diferente das escovas tradicionais porque limpa os dentinhos enquanto o bebê ou a criança mastiga a escova. 

Ela é macia e flexível funciona também como um mordedor, aliviando o incomodo dos dentinhos que estão nascendo.

Acessem o site aqui.

Dica da Mayara, mãe da Ana Clara e Maria Rita

27 de julho de 2011

Primeira visita ao dentista

Oi, eu sou a Raquel, mãe da Laura e hoje vim relatar pra vocês a primeira visita dela ao odontopediatra.

Eu sou servidora pública e na minha instituição temos um serviço de odontologia, que inclui uma odontopediatra. 

Assim que os primeiros dentinhos da Laura começaram a apontar (pouco depois dos 5 meses), fui conversar com a odontopediatra. Ela me disse que bastava manter a limpeza dos dentes com a dedeira ou com uma fraldinha umedecida e que só depois dos 4 anos precisaria ir regularmente ao dentista. Não fiquei muito contente com a resposta, mas segui as orientações. 


Meses depois, aquela pulguinha ainda estava atrás da minha orelha... Nasceram mais dentinhos e passamos a usar a escovinha apropriada para a idade dela e uma pasta de dentes sem flúor.

Daí a pulguinha não parava mais de pular na minha orelha e comecei a conversar com outras amigas sobre as indicações de odontopediatras. 

Seguindo a indicação de uma amiga aqui do BMB, finalmente marquei uma consulta para a Laura.

Lá fomos nós... Fomos recebidas com toda a simpatia e um grande sorriso. A “tia” deu balões para a Laura brincar e começamos a conversar sobre a rotina, os hábitos alimentares da pequena, enquanto ela ia se ambientando. Depois de uns quarenta e cinco minutos de bate-papo (não se apressem, vou colocar as orientações da dentista aí embaixo!), sentamos na cadeira para fazer a limpeza dos dentinhos e aplicação do flúor.

A Laura se comportou melhor do que eu esperava... reclamou um pouco mas não chegou a chorar. Se considerar que ela já estava dormindo quando sentamos na cadeira da dentista e que ela foi acordada com alguém mexendo na sua boca, acho que foi ótimo!

Dicas e orientações:


-o ideal é levar os bebês ao odontopediatra assim que os primeiros dentes nascerem. O profissional vai orientar os pais em todos os procedimentos do dia-a-dia e vai aplicar flúor nos dentinhos. Se você, como eu, não fez isso, não se apavore, ainda está em tempo!

-a partir daí, a criança vai voltar a cada seis meses para uma nova revisão e reaplicação do flúor;

-até os 4 anos, a criança não deve usar pasta com flúor. O bebê não sabe cuspir e vai engolir a pasta. O flúor ingerido pode vir a causar uma doença chamada fluorose, que, entre outros efeitos, pode provocar o aparecimento de manchas brancas nos dentes;

-é importante manter a rotina de alimentação das crianças, com uma dieta balanceada. Isto ajuda também na saúde dos dentes;

-deve-se evitar soprar a comida dos pequenos. As bactérias presentes na nossa boca (inclusive a da cárie) passam para a boca das crianças. Mover a colher para cima e para baixo fazem o mesmo efeito do seu sopro. Lembre-se de orientar a cuidadora do seu filho!

-devemos também evitar muitos beijinhos próximo à boca da criança ou os selinhos, pelo mesmo motivo;

-a escova de dentes deve ser aquela adequada à idade da criança (observe a indicação na embalagem);

-quando as cerdas começarem a ficar tortas, a escova deve ser trocada;

-dica: se seu bebê adora morder a escova e por isso as cerdas estragam muito rápido, mantenha uma escova só para ser mordida e outra para a escovação!

- se o bebê tiver gripe ou alguma infecção, a escova também deve ser trocada;

- mantenha uma rotina de escovação. Mesmo que um dia ou outro a escovação não seja perfeita, mantenha a rotina;

-use o fio dental desde cedo, mesmo que os dentinhos do seu bebê sejam muito separados, para cria o hábito – não esqueça de incluí-lo na rotina.

Bom, tentei lembrar de todas as recomendações da odontopediatra, mas o recado mais importante é: escolha um profissional de sua confiança, que atenda seu filho com a atenção e gentileza que as crianças requerem e siga suas recomendações para que tenhamos crianças com bocas saudáveis.

Seguem algumas opções de leitura sobre o tema:



25 de julho de 2011

A partir de 2012, berços passarão a ter certificação de conformidade do Inmetro


Até o final de 2012, os berços fabricados no Brasil terão que seguir normas de segurança definidas pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro). Com a medida, que integra o Programa de Avaliação da Conformidade, o órgão espera prevenir acidentes envolvendo crianças e bebês.

Os berços vão passar a ter uma certificação obrigatória. Segundo Aline Oliveira, uma das técnicas responsáveis pelo programa de adaptação do produto, a primeira coisa que os pais devem observar é a presença do selo de identificação da conformidade do Inmetro, que deve estar exposto no berço e na embalagem do produto.

O Inmetro também estabeleceu outra normas para certificação de conformidade. A partir do final de 2012, o produto só terá esse selo se a criança não conseguir levantar a base do colchão ou do berço. Já o colchão, se não for parte integrante, deve ter marcação na base do berço, com recomendação de que tenha espessura máxima de 120 milímetros.

As novas regras definem ainda que os fabricantes nacionais e importadores passem a produzir, até o final de 2012, apenas berços com bordas arredondadas ou chanfradas e sem arestas, com sistema de travamento das laterais, instruções em português e todas as informações do fabricante, distribuidor ou do comércio, como razão social, nome ou marca comercial registrada, e identificação do produto.

Fonte aqui.

24 de julho de 2011

Carrinho para duas criancas

Sabe aquele carrinho para gêmeos, muito útil, não é mesmo?

Mas e quem tem dois bebês mas não são gêmeos?

Vejam que prático esse carrinho da Britax: o maiorinho senta na parte superior e o bebezinho deita no moisés que encaixa em baixo do carrinho.

E lá vai a mãe moderna passear com os dois!


Mais informações aqui.
Dica da Raisa, mãe da Liina.

23 de julho de 2011

CineMaterna em homenagem aos avós no Cinemark Iguatemi


Na próxima terça-feira, 26, o Iguatemi Brasília, em parceria com a ONG CineMaterna traz mais uma sessão de cinema amigável, e dessa vez, além de contemplar mães e pais, o shopping homenageia avôs e avós, em comemoração ao Dia dos Avós.  

As 20 primeiras avós acompanhadas dos netos, não pagam pela sessão. São até dois ingressos por bebê. 

Vale lembrar que as sessões são indicadas para bebês de até 18 meses. As salas estarão adaptadas para receber os pequenos, com som reduzido, luzes um pouco mais acesas, ar condicionado ameno e trocadores na sala. 

A programação já foi definida por meio de enquete no site da ONG e as mães escolheram o filme Cilada.com (2D, dublado). Os ingressos podem ser adquiridos no Cinemark do Iguatemi Brasília pelo valor de R$14,00 (inteira) e R$7,00 (meia). 

O projeto, conta com apoio das lojas Tyrol e Boinpoint.  

Sobre a ONG CINEMATERNA

O projeto CINEMATERMA, parecia inusitado, mas com o tempo se encaixou perfeitamente na rotina das mães. Já está implantando em 14 cidades e desde o lançamento contou com a presença de aproximadamente 20 mil adultos e 11 mil bebês. 

O intuito da ONG foi trazer as mães recentes de volta à vida cultural. No cinema, além da diversão, elas fortalecem o vínculo com os filhos, e logo após o filme, no bate-papo, todas têm a oportunidade compartilhar experiências e oferecer apoio ao pós-parto.  

O Iguatemi Iguatemi Brasília e a ONG CINEMATERNA vão oferecer ainda mais conforto as mães, colocando à disposição trocadores com produtos da Natura Mamãe e Bebê e tapete de atividades para bebês que engatinham. 

Serviço 
CineMaterna - Cinemark Iguatemi BrasiliaData: 26/7, terça-feira
Horário: 14h
Filme: Cilada.com (2D, dublado)
Local: SHIN CA 4, Lote A, - Lago Norte - Brasília/DFIngressos: R$ R$14,00 (inteira) e R$7,00 (meia).

Informações da RP1 Comunicação Brasília

Sábado é dia de quê? Dia de Pizza!!!

Sábado é dia de descansar, de acordar tarde, de ir ao supermercado, de arrumar a casa, de ir ao salão, de passear no parque, de encontrar com os amigos...

As BMB's fazem de qualquer data comemorativa um motivo para se encontrar (na medida da possibilidade de cada uma de nós), right?
Certíssimo!

E foi neste espírito de alegria, celebração e vontade de se ver que em 09 de julho, sábado, comemoramos antecipadamente o DIA DA PIZZA, que desde 1985 é festejado oficialmente em 10/07. Fala sério, pizza é quase uma unanimidade, né?! Bom demais...

Escolhemos a Pizzaria da Mamma, na 314 Sul, para mais esta confraternização, com mamães, papais e filhotes. A variedade de pizzas, o sabor de cada uma delas, o lugar aconchegante e o parquinho do lugar tornaram este encontro muito gostoso. Literalmente!

Além disso, todos cantaram “Parabéns Pra Você” surpresa para Gustavo, o papai da Nicole, com direito a uma deliciosa torta de chocolate, velinhas no bolo, línguas de sogra e chapeuzinho (de Wolverine, porque o aniversariante se amarra no X–Men).

Seguem as fotos de mais um delicioso encontro BMB.
















21 de julho de 2011

Mais um encontrinho de mamães BMB na Livraria Cultura

Aqui no blog nós não só indicamos os programas para fazer com as crianças, como também participamos deles!!!



Na tarde do último dia 02 rolou mais uma contação de histórias na Livraria Cultura do Casa Park e três mamães do BMB foram prestigiar o evento.

Eu, Adriana, Raisa e Raquel levamos nossas princesinhas para conhecer o livro Lendas Européias.

A faixa etária recomendada era a partir de 4 anos e nossas bebês têm aproximadamente um anos e meio. Mas se vocês acham que bebês não curtem contação de história, se enganam!

Nossas gatinhas e outras crianças nessa mesma faixa etária aproveitaram bastante o momento em que a tia contava sobre lendas da Escócia, da Itália e da Grécia, mostrando as ilustrações do livro e puxando coro de "rema rema, remador". Aliás, a Liina falando "rema rema" toda soltinha na frente da galera e a Laurinha batendo palmas sorridente, foi lindo de ver!!!!

E mesmo as mais dispersas (como a minha Dianinha, que não fica muito tempo sentada no mesmo lugar), aproveitaram a loja para explorar as prateleiras de livros coloridos, muito atraentes para suas mãozinhas inquietas e olhinhos curiosos.

Foi muito bacana também ver as crianças mais velhas participando, antecipando partes da história, atentas a detalhes! Foram apresentadas 3 lendas: a do monstro do lago Ness, a de Rômulo, Remo e a fundação de Roma e da saga de Teseu contra o Minotauro.

Ainda bem que eu não esperei minha filha fazer 4 anos. Com certeza voltarei para mais histórias na Livraria Cultura.


E o próximo evento família de Brasília que estaremos presentes em massa é o Passeio Ciclístico, de Velocípedes de Carrinhos de Bebê da Boombambu neste domingo (dia 24). Quem ainda não fez sua inscrição corra que ainda dá tempo de participar!!!

20 de julho de 2011

Espaço Mães e Filhos - estréia amanhã.

1º Ciclo Internacional de Teatro para Bebês


O Grupo Sobrevento realiza o Primeiro Teatro: Ciclo Internacional de Teatro para Bebês, nos CCBBs Rio de Janeiro e Brasília. A programação traz algumas das mais destacadas companhias e artistas, de três países europeus, que se dedicam ao Teatro para a Primeira Infância (Laurent Dupont, da Cia. Acta - França, Cia. La Casa Incierta - Espanha, Antonio Catalano - Itália) em apresentações, palestras e oficinas.

A mostra apresentará um teatro provocador, inesperado, questionador e que garante aos bebês o direito de integração à cultura e à sociedade.

Data: 28/07 A 21/08
Local: Teatro II do CCBB
Horário: De quinta a domingo às 11h e 15h
Entrada: Franca (Mediante retirada de Senha 1hora antes do Evento)

Dica da Carla, mãe do Gustavo, que viu essa programação no blog Brasília Divertida.

Feliz dia do Amigo.

Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!” Vinícius de Moraes

Já se diz há muito tempo que “amigo é família que a gente escolhe”. Porque os pais, os irmãos, os filhos e demais parentes recebemos de presente de Deus, do jeito que eles são, com eles temos laços de sangue e convivemos, aprendemos a viver, tecemos nosso jeito, nossas manias, traços, criação e objetivos fortemente influenciados pelas pessoas que fazem parte da nossa família natural. Já os amigos… Ah! Estes nós escolhemos e os recebemos também como se fossem presentes divinos que passam a ser “família” não pelo sangue, mas pela sintonia. Por opção!

Nós mamães do Big Motherns Brasília já nos acostumamos aos olhares surpresos das pessoas quando presenciam nossos encontrões e vêem todas nós, juntas com nossos filhos e maridos. Ficam olhando como se perguntassem “como é que esse povo todo se juntou”?... Bem, como tudo começou você pode ler aqui mesmo no blog, clicando no link “nossa história”. Mas o que nos mantém se resume a uma palavra com sete letras: amizade. A amizade dá a nossa liga.

Somos, além de mães dos nossos filhos (risos), amigas umas das outras! Com umas temos mais afinidades, com outras menos (afinal somos 25 mulheres, muitas e únicas) e é justamente esta diversidade que dá identidade ao grupo. Em alguns momentos podemos nos aproximar mais de uma ou de outra por um motivo específico, ou mesmo uma fase que esteja sendo vivida. É natural e faz parte da vida. Dividimos juntas as nossas principais emoções, angústias, compartilhamos expectativas e crescimentos, nos expressamos com a alma, de coração aberto. Porque afinal de contas, o coração é justamente o motor que move as mães, não é mesmo?

Convidamos você, leitor(a) a parar um pouquinho e contar nos dedos de uma mão só, pessoas a quem você chama de amigo. Pense mais um pouco. Será isso tuuuuuuuuuuudo? Refine esta seleção e analise de verdade com quem você “comeria um saco de sal junto”? A quem você contou primeiro, logo depois da família, que estava grávida? Quem soube antes de todo mundo que você iria casar? Quem é a primeira pessoa para quem você pensa em ligar quando precisa de uma palavra sincera, o ouvido atento ou mesmo uma oração? Quem você aceita como é mesmo sabendo de todos os defeitos e não abre mão da companhia? Hoje é dia 20 de julho, Dia do Amigo. O que acha de ligar para essa pessoa ou mandar uma mensagem dizendo o quanto ela é especial para você?

Acho muito linda e verdadeira a citação de Vinícius de Morais que inicia este post. No ensino médio, todo ano, no dia 20 de julho, a escola passava uma caixinha de papelão forrada, muito bonitinha, onde podíamos depositar bilhetes para nossos amigos, homenageando-os neste dia. Era emocionante, que lembrança gostosa a ansiedade de esperar quantos recadinhos receberíamos dos amigos queridos! Hoje faço isso aqui, dizendo às minhas amigas que eu as amo e o quanto elas são importantes e especiais para mim.

Maiara, mãe da Nicole.


19 de julho de 2011

Programação de Férias Alameda Shopping

Sempre pensando na alegria e na diversão das crianças, o Alameda  Shopping e o Planeta Imaginário montaram uma programação especial para  todos os dias das férias!



QUARTA – 20
DIA DA MÁGICA
Um verdadeiro show com o Mágico Tio André. Você nem vai acreditar, é surreal, é magico!
Das 15h às 17h

QUINTA – 21
ERA UMA VEZ …
Vamos nos divertir com a Tia Sarah e a sua excelente equipe de contadores de histórias.
Das 15h às 17h

SEXTA – 22
HEROIS E PRINCESAS
Venha com a sua fantasia favorita brincar e pintar o seu herói ou princesa favoritos!
Nesse dia as talentosas Tias do PLANETA estarão esperando vocês no Espaço Camarim para cabelo e maquiagem!
Das 15h às 17h

SÁBADO – 23
É HORA DE BRINCAR
Você está de férias, então, nada melhor que brincar com a Equipe alto astral do PLANETA e depois comer bri-ga-dei-ro!!
Parceria: Torteria de Lorenza
Das 17h às 19h

DOMINGO – 24
CAMPEONATO DE GAMES
Campeonato de videogame com premiação para os 3 primeiros colocados. Divirta-se e ganhe presentes da Cia Toy!
Parceria: Cia Toy
Das 17h às 19h

SEGUNDA – 25
BRINCANDO DE ESCRITOR
No Dia do Escritor deixe toda a sua imaginação registrada. Os 3 melhores livros serão premiados!
Das 15h às 17

TERÇA – 26
PRESENTE PRA A VOVÓ
A Vovó é a nossa segunda Mãe, então que tal nesse dia tão especial brincar e confeccionar um lindo presente para & com a sua Vovó?
Das 15h às 17h

QUARTA – 27
É MAIS MÁGICA
Mais um dia especial e cheio de mágica, um verdadeiro show!
O Mágico Tio André te espera novamente no PLANETA e você vai adorar!
Das 15h às 17h

QUINTA – 28
DIA DA NATUREZA
No Dia Internacional da Conservação da Natureza uma fantástica oficina e lindos prêmios te aguardam no PLANETA.
Venha brincar, criar e reciclar!
Parceria: ONG Reciclo
Das 15h às 17h

SEXTA – 29
OFICINA DE MASSINHA
Modelando as massinhas da PlayDoh, você vai descobrir novas formas e criar novos personagens. Vamos colocar as mãos na massa com a talentosa miniaturista e produtora Tia Adriana Mota!
Das 15h às 17h

SÁBADO – 30
VOCÊ NA PASSARELA
Um verdadeiro desfile de moda. Venha com a sua roupa ou fantasia favorita. Arasse na pose e na passarela e ganhe um vale compras da C&A.
Parceria: C&A
Das 17h às 19h

DOMINGO – 31
VOLTE ÀS AULAS EM ESTILO
Venha decorar a sua toalhinha do lanche da escola com a Tia Luiza Tantoja que manja tudo de design e moda. Na volta às aulas, você vai fazer o maior sucesso!
Parceria: Linhas & Bordados
Boas Aulas!
Das 17h às 19h

No Dia Nacional do Futebol apresentamos nossos Torcedores Mirins.

Lembram que ano passado, nesta época, a nação vivia a ressaca moral de a Seleção Brasileira não ter ido bem na Copa do Mundo de 2010 (que começou em 11 de junho e foi até 11 de julho) na África do Sul? Algumas de nós já brincávamos com bebezões ou ainda embalávamos nossos bebezinhos; umas (como eu!) já voltavam ao trabalho e outras estavam com eles na barriga já para nascer.

"Vamos combinar": nossos filhos tiveram a sorte de nascer no país do futebol. Que delícia de diversão, bom demais! É no futebol que as diferenças entre torcedores de um mesmo time não existem: ali todos se reúnem em torno de uma mesma paixão, do orgulho da camisa, com gritos de guerra e com o prazer de poder ver jogos no estádio ou em casa com os parentes e amigos, uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu...

Nós, mães e pais dos torcedores e torcedoras do futuro temos uma enorme responsabilidade. Devemos sempre lembrar que, ao mesmo tempo em que é saudável e divertido ensiná-los a torcer por um time, a torcida fica muito mais legal se todos estiverem reunidos e celebrando em paz, sem violência. Que rica oportunidade nós temos de educar cidadãos maduros, que apesar de serem crianças, já são capazes de dar show de civilidade, vivendo em harmonia e respeito, mostrando que nem sempre se ganha e nem sempre se perde, mas o bom de tudo é ter a oportunidade de brincar!

É importante dar destaque ao jogador ou jogadora que joga bonito e também transmite bons valores, respeita os pais, valoriza a família e não se mete em confusão! Como, por exemplo, que gracinha o gesto de Bebeto na Copa do Mundo, quando conquistamos o Tetra (mamães, este tetra aqui é da Copa e não a vacina, ok?! hahaha) e, após o gol comemorou como se tivesse embalando um bebezinho, seu filho, lembram?

Por mais que se diga por aí que o Brasil não está preparado para receber uma Copa do Mundo, paralelo a essas discussões, nós podemos treinar um belo time de torcedores mirins até 2014. Temos os Campeonatos Estaduais, a Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro, Libertadores, amistosos da Seleção, jogos na Europa, na atividade da escolinha, no descampado da esquina, no quintal de casa ou na quadra do prédio. Olha quanta oportunidade de "treinarmos" a nossa torcida pra ficar bonito, hein?!

Eu sou Maiara, mãe de Nicole, de 01 ano e 07 meses. Somos torcedoras do Vitória da Bahia, junto com Adriana, mamãe de Diana, de 01 ano e 06 meses! Aqui no BMB temos também lindos torcedores mirins da Seleção Brasileira, do Flamengo, do Vasco, do Inter, do Criciúma, do Coritiba, do Fluminense, do Sport... Nossa equipe é show de bola!

E aí, conta pra gente, qual é o time do seu coração?

18 de julho de 2011

Tem selinho novo para o blog


O selinho de hoje nos foi dado por uma leitora super querida, a Lucyanna, autora do blog Catequista Semeando Amor.

AMEI a forma carinhosa que a Lu disse que o BMB "semeia o maior dos amores da terra, o amor de mãe".

Obrigada flor!

Finalizamos o post com uma frase linda que está lá no blog:

"O amor deve ser semeado sem cessar, sem descanso, pois temos uma guerra a vencer e só com amor conseguiremos isso!"

Férias no CCBB


Após a grande repercussão do projeto Cine-concertos que exibiu filmes ao ar livre, o Centro Cultural Banco do Brasil traz uma mostra com filmes infantis exibidos no jardim.

A programação traz grandes sucessos do cinema de animação, comoToy Story 3, vencedor do Oscar 2011 de melhor filme de animação e canção original, além de indicado em mais 4 categorias, incluindo a de melhor filme.

A mostra traz ainda A Batalha dos Vegetais, onde os personagens Wallace e Gromit – criados pelo diretor Nick Park e produzidos pela franquia britânica de animação Aardman Animations – usam suas invenções criativas para tentar capturar uma criatura misteriosa que atacava as plantações de legumes gigantes de uma pacata cidade. 

Em Tá Chovendo Hambúrguer, o inventor Flink Lockwood cria uma nova máquina que acidentalmente destroi a praça da cidade e parte em disparada às nuvens. Ele considera sua carreira de criador acabada, no entanto algo incrível ocorre: do céu, começa a chover deliciosos cheeseburgers.

Durante a exibição dos filmes, a criançada poderá para brincar nas esculturas do Casulo do artista Darlan Rosa e também se deliciar com pipocas e algodão-doce que serão distribuídos gratuitamente.

Programação:
16/07 – A Batalha dos Vegetais
23/07 – Ta Chovendo Hambúrguer
30/07 – Toy Story 3

Serviço
Local: Centro Cultural do Banco do Brasil Brasília
Endereço: SCES, Trecho 02, lote 22
Quando: De 16/07/2011 a 30/07/2011
Horário: Sábado, às 18h30
Preço: Entrada franca
Informações:
(61)3108-7600
Classificação Indicativa: Livre

Musicalização Infantil na 307 Norte

Acredito que nem todo mundo saiba desse projeto, pois foi uma novidade para mim quando soube, mas na quadra 307 da Asa Norte estão acontecendo aulas de música para crianças.

O projeto "Musicalização Infantil na 307 Norte" é uma iniciativa de um grupo de pais moradores da quadra, sem fins lucrativos e seguindo os moldes do projeto "Música para Crianças" da UnB. Quem ministra as aulas é uma professora que trabalhou por vários anos no projeto da UnB, acompanhada de outro professor assistente.

O projeto é desenvolvido com crianças até 5 anos e crianças entre 5 e 15 anos, com aulas de 50 minutos de duração, uma vez por semana. Sendo as crianças das turmas até 5 anos acompanhadas de 1 responsável.

Ele pretende trabalhar os vários estilos de música, com foco na música brasileira, e apresentar alguns outros estilos musicais, bem como apresentar instrumentos e suas aplicações nas mais diversas formas de expressão musical.

O elemento sequencial é muito presente nas aulas, pois as crianças pequenas necessitam de certa previsibilidade para organizar-se melhor psicossocialmente.

A área de musicalização é importante na educação, principalmente infantil, porque além de desenvolver a musicalidade, realizar esse tipo de trabalho ajuda a melhorar a sensibilidade das crianças, a capacidade de concentração e a memória, trazendo benefícios ao processo de alfabetização e ao raciocínio matemático. "A música estimula áreas do cérebro não desenvolvidas por outras linguagens, como a escrita e a oral. É como se tornássemos o nosso 'hardware' mais poderoso", explica a pedagoga Maria Lúcia Cruz Suzigan, especialista no ensino de música para crianças.

Essas áreas se interligam e se influenciam. Sem música, a chance é desperdiçada. Segundo Maria Lúcia, quanto mais cedo começar o trabalho, melhor.

Crianças que crescem ouvindo, cantando e "dançando" ao som das batidas de alguma música estão desfrutando do que cientistas chamam de "riqueza sensorial". A música é um elemento fundamental nesta primeira etapa do sistema educativo. A criança começa a expressar-se de outra maneira e é capaz de integrar-se ativamente na sociedade, porque a música o ajuda a desenvolver autonomia em suas atividades habituais, assumir cuidado de si mesmo e ampliar seu mundo de relacionamentos. A criança que tem contato com a música aprende a conviver de melhor maneira com outras crianças, estabelecendo uma comunicação mais harmoniosa.

Os professores são a Danielle Vaz e o Alexandre de Paula.

O valor da matrícula é R$ 75,00 (para cobrir os gastos iniciais com material).
O valor da mensalidade é de R$ 80,00.
Desconto de pontualidade de 6,25% para quem pagar até o dia 10 de cada mês!

Turmas em Andamento

De 0 a 5 anos: terça-feira - 9h
Acima de 5 anos: quarta-feira: 16h

Novas Turmas

De 0 a 5 anos: quarta-feira - 16h
De 0 a 5 anos: quinta-feira - 9h
Acima de 5 anos: terça-feira - 16:30h
Acima de 5 anos: quarta-feira - 9h

O bom é que ainda há vagas (por enquanto) em todas as turmas, que são de no mínimo 7 e máximo 15 alunos.

Se ficou interessado em participar do projeto entre em contato enviando um e-mail para musica307n@gmail.com informando o nome do seu filho(a) e idade, nome do responsável, telefone e email para contato, e o dia/turno de interesse.

Caso queira assistir uma aula sem compromisso, fique à vontade!

17 de julho de 2011

Dormindo na fantasia da mamãe

Felizmente a criatividade é mesmo algo sem limites.....
Vejam por nós mamães que estamos sempre em busca dos melhores ângulos, as melhores situações, ou mesmo do inesperado para clicar nossos filhos e ter o registro daquele momento guardado para todo o sempre.
A mãe deste bebê é da Finlândia (Raisa, olha é uma conterrânea!!!) e cada vez que o bebê dormia, ela criava cenários de contos, fotografava e enviava aos conhecidos. Acabaram se tornando famosas. E com toda a razão, né!

Imagino que muita gente já conheça essas imagens (já que e-mails com elas já circularam bastante por aí)...mas são tão lindas que sempre vale a pena rever.


As duas primeiras fotos, como não estavam nesses e-mails, podem ser novidade para alguns.
























 
Clique aqui e conheça o seu blog (Mila´s Daydreams).